Browsing Tag

tag

Pessoal

Tag: Brinquedos Preferidos

10 de outubro de 2017

Aaaacho que lá nos idos de 2007 existia uma tag (na época ainda meme) de Dia das Crianças em que a gente listava os 10 brinquedos preferidos da infância. Meu post se perdeu junto com meus outros 12 anos de arquivos (sdds) e já que estamos de férias, por que não, não é mesmo? Eu googlei o assunto por aproximadamente 30 segundos e não sei se hoje os jovens tem um nome específico pra brincadeira, mas vamo.

1. Trailer da Barbie

01.jpg

Em mais um episódio de a vida como ela é: sem dinheiro pra casa da Barbie, minhas bonecas foram morar num estacionamento de trailer mesmo. Ele era lindo e rosa e com todo esse ~aproveitamento criativo de espaço~ que me preparou bastante para a experiência de visitar imóveis na grande cidade de São Paulo.

2. Maquininhas de Qualquer Coisa

03.jpg

Eu sempre amei as Maquininhas de Qualquer Coisa (da Eliana): Maquininha de Tricô, Maquininha de Escrever, Maquininha de Sorvete… Podia se dizer que nascia uma empreendedora, mas é que eu achava muito louca a idéia de poder fazer COISAS, em casa, sem precisar pedir dinheiro pros outros. Minhas bonecas ganharam infinitos cachecóis produzidos na Maquininha de Tricô.

3. Pense Bem

02.jpg

Criança Cabeçuda e Medalha de Bronze na Olimpíada BRASILEIRA de Matemática ficou felizona com um brinquedo que em que se ganhava ponto quando acertava contas.

4. Lego

04.jpg

De novo, criança cabeçuda e filha única. Me divertia horrores. Os gatos também.

5. Lango Lango

05.jpg

Pedi um Meu Querido Pônei, ganhei um Lango Lango. Pensando a longo prazo, os ensinamentos foram mais úteis na Vida™.

6. Estrelinha da Mônica

06.jpg

Não servia pra nada, mas colocando na palma da mão ela… acendia. <3 Ainda é um dos meus desenhos preferidos da Turma da Mônica (logo atras da Princesa e o Robô BAITA DESENHO). Parece que foi relançada agora, porque se ligaram que a gente paga caro por coisas dos anos 90 – menos chocolate, isso não relançam.

7. Polly Pocket

07.jpg

Eu gostava de brincar com coisas pequenas. Muito pequenas. Pequenas como bonecas de 1 cm que moravam em casas de 12 cm. E as casinhas fechavam nesses estojinhos em forma de estrela e coração. Num deles tinha até uma uma fada e sua FOCA.

8. Pokémon

08.jpg

Na escola todo mundo sabia qual era o melhor FORNECEDOR da 25 de março e como identificar as melhores ~réplicas~ (ah, a minha ZL <3).

9. Nunca tive, sempre amei 1: Escolinha da Moda

09.jpg

A vizinha tinha esse que é apenas um dos brinquedos mais legais de todos os tempos: você encaixava várias peças om moldes pré-prontos, montava o ~~~look~~~, colocava um papel em cima e passava o giz de cera, ta-nã: desenho todo marcado até pra alguém com zero habilidades artísticas como eu.

10. Nunca tive, sempre amei 2: Megazord

10.jpg

Eu amava Power Rangers, mas em casa existiu uma fase do “não deveríamos deixar ela ficar vendo essas coisas de menino“, de forma que ter um Megazord estava totalmente fora de cogitação. Aí eu brincava com o do meu primo. ¯\_(ツ)_/¯

Feliz dia das crianças, migas!

Blog!

Tag: Meme Escrito – BEDA #26

26 de agosto de 2017

Esse vocês já conhecem, todo mundo fez, todo mundo superou aquela fase horrorosa do “se tem uma coisa que a gente não conhece mais é a letra das pessoas“. Mas eu ainda não tinha feito e qualquer desculpa pra abrir as gavetas de papelaria é digna o suficiente pra mim.

  1. Qual é o seu nome?
  2. URL do seu blog
  3. Escreva: ‘The quick brown fox jumps over the lazy dog’
  4. Citação favorita
  5. Música favorita
  6. Cantor/Banda favorita
  7. Diga o que quiser

BEDA 2017 - Se Organizar Todo Mundo Bloga

Pessoal

Tag: Criança Anos 90 – BEDA #19

19 de agosto de 2017

O internauta que se propõe a fazer BEDA, ele precisa de tags. Essa aqui eu achei meio a toa, mas me lembrou umas coisas engraçadas, então vamo:

1. Fotos da infância.

Salva pelo orkut! Quase não tenho fotos pré-2009, mas as coisas eram mais ou menos assim:

00007-3.jpg

Digitalizar0008.jpg

2. Uma memória boa da infância.

A tia da minha irmã estava construindo uma casa em Arujá (a gente morava na ZL) e não satisfeita em lidar com OBRA, pedreiro, filha e sobrinhas, ela botava mais 2 pré-adolescentes no carro (eu e outra vizinha) toda vez que ia inspecionar a construção.

Chegando lá, ela soltava esses cinco projetos de ser humano e só chamava de volta na hora de alimentar (pão com mortadela e alface preparado onde estivesse menos sujo) ou na hora de ir embora. Adolescente grita e fala e fede e reclama e come, um monte de problema desnecessário, mas ela levava a gente rindo e era maravilhoso.

3. Um cheiro da infância.

Cheiro de cobertor guardado. Fomos todos os primos criados na casa dos meus avós e tios-avós e da minha bisavó, e todas elas tinham esse cheiro de cobertor guardado depois que a gente coloca no sol. Misturado com o cheiro da madeira dos móveis. E com cheiro de planta. Melhor mistura de cheiros.

4. Brincadeira preferida na infância.

Acho que as empresas gastam muito dinheiro com dinâmicas de grupo e ~team building~ quando podiam simplesmente soltar todos os funcionários pra brincar de esconde-esconde. BAITA brincadeira: requer estratégia, estudo analítico do ambiente, exige habilidades interpessoais pra ver quantas pessoas vão caber naquele diminuto esconderijo.

Brinquei de esconde-esconde INTENSAMENTE até os 16 anos de idade, e as crianças do condomínio (a saber: a maioria tinha mais de 14 anos) investiam muito tempo & recursos para tornar o jogo cada vez mais desafiador até que chegou…

A S1ndiCa Tar4dA

Está mulher, no auge dos seus quarenta e tantos anos viu aquele grupo de adolescentes desocupados e ficou TRANSTORNADA. Na cabeça dela, ela decidiu que o esconde-esconde era uma brincadeira de fachada para o que ma verdade seria um grande bacanal. Convocou uma reunião de condomínio para resolver ~nossos instintos adolescentes~ (essa expressão foi usada) propondo a criação de bailinhos (monitorados por ela), onde pudéssemos paquerar uns aos outros de forma controlada. A gente só queria brincar de esconde-esconde, mas tudo acabou ali mesmo.

Eu gosto demais de esconde-esconde.

5. Desenho preferido na infância.

Eu amava um desenho trágico e cheio de desgraceira chamado Os Animais do Bosque dos Vinténs. Era um Grey’s Anatomy com bichinhos, de modo que logo no primeiro episódio um casal de ouriços morria atropelado. Certeza que a Shonda assistia também.

animais-do-bosque-dos-vintens.gif

Pra ter uma idéia do quanto era perturbador, se você procura esse desenho no google, a primeira sugestão que vem é “animais do bosque dos vinténs mortes“.

6. História engraçada da infância.

Eu estava envolvida no incidente que quebrou o braço do meu primo. Conta como engraçado, né? Não pra ele, eu digo (a gente estava brincando de pular de um beliche pro outro).

7. O que você queria ser na infância?

Médica ou professora. Ouvi que o maior desgosto da vida da minha família seria eu virar professora. Fim do ano pego meu diploma de professora, mas não quero ser professora já tem uns 10 anos. É meio confuso.

8. Como você era na escola?

tumblr_mbiashHktn1qc0yog.gif

Medalha de bronze na Olimpíada Brasileira de Matemática de cuja qual participaram 200 mil pessoas. Mais de uma vez tive que comer meu lanchinho na companhia apenas do inspetor de alunos sim.

9. Qual era seu medo na infância?

tumblr_o0lnfpCYiq1twss0oo1_500.gif

Aranhas. E a cena final do filme A Tempestade do Século (que hoje é um dos meus filmes preferidos).

 

BEDA 2017 - Se Organizar Todo Mundo Bloga