Pessoal, Viagem

Aquele sobre Nova York

11 de outubro de 2017

Até meus 16 anos, meus únicos, previsíveis e nada criativos sonhos de viagem eram Nova York e Londres. Lembro que um dia um amigo me perguntou no pátio da escola qual o motivo de eu querer conhecer esses lugares e eu não soube explicar, até escrevi um post sobre isso em um blog super secreto aquele dia. Doze (12!) anos depois, eu casei com esse amigo e doze (12!) anos depois, mais precisamente nesta terça, eu embarquei para Nova York, que é hoje a cidade no mundo que menos tenho vontade de conhecer. E ainda assim eu quero TANTO conhecer.

Essa é uma viagem que veio no tempo certo. Acho que se fosse a primeira de todas, seria uma coisa deslumbrada, acho que se não viesse nunca, eu, eterna Do Contra, ia sempre desmerecer de longe. Talvez em outro momento eu não estivesse tão aberta a ir e viver de verdade (a princesinha dos julgamentos). Algo me mudou na Rússia e lembrei que em algum momento depois daquela pergunta aos 16 anos eu decidi que eu queria viajar pra cacete.

Além disso, eu estava bem precisada de um processador da KitchenAid.

Desde os meus 16 anos eu não pensava em Nova York, então peço perdão por todas as fotos legendadas única e exclusivamente com frases de Mensagem para Você (uma das MELHORES películas já feitas) e com “ei, bobão, me dá um chicletão“. Não vou ver a Estátua da Liberdade nem topo de edifício nenhum porque a gente pode estar aberta a coisas novas, mas a gente ainda tem certas imagens a manter. Vai ter flood no Instagram e agradeço não apenas o seu like, mas também o seu conselho, nobre internauta, porque apesar se ter estudado ferrenhamente Gossip Girl essas últimas semanas, sinto que podia estar mais preparada. xoxo me segue lá.

Mensagem para Você

You Might Also Like

6 Comments

  • Reply Vy 12 de outubro de 2017 at 00:13

    Uma das minhas cidades favoritas na vida!!! Coma, coma muito! Mas tipo em little korea, ou chinatown. Já li muito sobre o Brooklyn e seus restaurantes, mas não fui hipster o suficiente ainda pra atravessar a ponte. One day…

    Enjoy!!

  • Reply Aline 12 de outubro de 2017 at 00:44

    AAAAA já aguardando as fotos <3 Eu nunca tive das maiores vontade de ir pra NY/US como um todo, mas desenvolvi um problema seríssimo chamado Virei Louca dos Musicais, então essa viagem entrou real oficial e com prioridade pra uma wishlist que não sei por onde começar :/

    Uma viagem maravilhosa pra ti, Nicas!

  • Reply Carol Sena 12 de outubro de 2017 at 01:46

    eu morro de vontade de conhecer NY também, desde sempre, muito por causa dos filmes e livros confesso, mas um dia eu chegou lá, que essa viajem seja ótima pra você aproveita muito!

    Blog Entre Ver e Viver

  • Reply Isa 17 de outubro de 2017 at 14:58

    “Doze (12!) anos depois, eu casei com esse amigo e doze (12!) anos depois, mais precisamente nesta terça, eu embarquei para Nova York, que é hoje a cidade no mundo que menos tenho vontade de conhecer. E ainda assim eu quero TANTO conhecer.”

    se você não escrever uma fanfic que comece com essa frase, eu escrevo por você.

  • Reply Natália 13 de novembro de 2017 at 19:17

    Ahhhh, foi uma delícia acompanhar sua viagem pelo Instagram, Nicas! Fico feliz que tenha gostado de NY, porque é meu sonho ir pra lá. Então, se a princesinha dos julgamentos não gostasse, talvez eu viajaria com um pé atrás para lá, haha!

  • Reply VANESSA BRUNT 14 de novembro de 2017 at 15:14

    Primeiramente, surtei com o primeiro parágrafo e fiquei louca para saber mais sobre a sua história de amor. Que lindeza! E, agora, preciso falar o quanto sonho em conhecer NY e o quanto adorei ver e sentir a sua mente aberta para um canto que não está no topo da sua lista e para quebrar os padrões sobre como vai explorar essa experiência. Geralmente vamos nos lugares em que todos vão, mas esquecemos que a vida rola em outros pontos, cantos e, que, principalmente, quem lá vive acaba vivendo mais em outras brechas do que nos ‘lugares comuns para turistas’. O bacana, claro, é tentar fazer um equilíbrio entre tudo isso, também na nossa própria cidade: turistando loucamente (inclusive, é onde muito esquecemos de ir nesses pontos turísticos, não é?). Mas ter em mente essa quebra já é um começo incrível. Adorei e vou super acompanhar!

    http://www.semquases.com

  • Leave a Reply